30 semanas de gestação

Spread the love

Faltam cerca de dez semanas para a chegada do bebê. A medida que essa fase se aproxima, é preciso acertar todo os preparativos, o parto, a chegada ao hospital, primeiros cuidados com a criança e muitas outras questões.

Bebê mais gordinho

Na atual fase, o bebê pode chegar a 1,5 quilo, além de medir – aproximadamente – 35 centímetros. Por isso, as mães vão notar a barriga um pouco maior. Bom, isso é normal.

Olhos mais maduros

A cada semana, mais mudanças ocorrem. Nesse período, os olhos da criança estão em um estágio bem avançado de desenvolvimento. Ela já consegue diferenciar, de certa forma, a luz da escuridão, de acordo com informações publicadas pelo site American Pregnacy.

Cérebro avançado

A partir desse momento, é bem possível que o cérebro do bebê esteja  bem desenvolvido, em estágio praticamente igual ao de um recém-nascido. As células cerebrais atuam com intensidade para fazer as conexões necessárias para que o bebê  tenha atividades cognitivas normalizadas após o nascimento. Essa é uma fase muito importante em todo esse processo de desenvolvimento da criança.

As noites de sono

É normal nessa fase se sentir mais cansada e o peso da barriga conta e muito. Então, provavelmente haverá alterações no sono e encontrar uma posição ideal se torna uma tarefa desafiante. Algumas dicas podem trazer alívios, como deixar o quarto fresco (já que é uma fase em que as mulheres sentem muito calor). Outra dica é manter o ambiente confortável, como cita artigo do site Baby Center.

Manter o quarto sem iluminação e barulho é também fundamental para melhorar a qualidade de sono. Outra dica importante: tente não focar em preocupações antes de dormir.

Alimentos que devem ser evitados

A alimentação é um fator essencial para uma gravidez sem complicações. Nesse sentindo, a orientação é optar por cardápio alimentar balanceado, com todos os nutrientes que o bebê e a mãe necessitam nessa importante jornada.

Então, na lista de produtos a evitar, inclua: alimentos com muita gordura, frituras, alimentos muito processados e com corantes artificiais. Excesso de doces também deve ser evitado no período.

E para as mães que gostam de café, uma dica: consuma no máximo duas xícaras por dia. O excesso de cafeína pode trazer complicações à gravidez, como pontuam especialistas.

Uma questão também importante se refere ao consumo de produtos que sofreram com uso de agrotóxicos. O tomate, por exemplo, é um alimento que pode estar nessa lista. Uma boa alternativa é consumir produtos orgânicos – os quais estão livres desses pesticidas. O custo é mais alto, mas se levarmos em consideração a saúde, é algo a se pensar, não é mesmo?

Produtos cosméticos não recomendados nessa fase

Por mais que as mães queiram manter a vaidade em dia, com uso de cosméticos, elas precisam se atentar a que tipo de produto estão consumindo. Lembrando que a maior parte de cosméticos de grandes marcas contam com componentes como parabenos, que são xenobióticos, ou seja, substâncias estranhas ao corpo e extremamente nocivas à saúde.

Por isso, verifique na embalagem do cosmético se existe indicação desse componente em sua formulação. Também evite uso de ácidos, que fazem parte de muitos produtos com ação anti-inflamatória.

De todo modo, o mercado traz linhas de cosméticos indicadas especialmente para as grávidas. Procure por essas soluções e opções mais naturais, mas não deixe de consultar a opinião de um profissional de saúde, antes de usar esses itens.

Massagem nos pés

Na 30ª semana de gravidez, muitas mulheres se queixam de dores intensas nos pés, que muitas vezes ficam inchados, além de desconforto nas costas. Nesses casos citados, a massagem tende a ajudar. Movimentos leves e circulares sobre os pés já trazem relaxamento e alivia as dores sentidas na região.

Mas existem tipos de massagens que não são indicadas para as gestantes, como  movimentações e manobras intensas sobre algumas partes do corpo. Esse cenário pode acelerar fluxo sanguíneo na região e causar danos. Além disso, é importante realizar massagem com profissional que tenha conhecimentos da atividade aplicada a gestantes.

Lembrando que há casos em que a massagem representa riscos, se a mulher for hipertensa ou apresentar algum quadro delicado de saúde específico que torna a gravidez, de certo modo, de alto risco. Também não se deve receber massagem em áreas com lesões, feridas ou hematomas.

Alterações de humor

Muitas mulheres também percebem uma alteração de humor latente. Essas questões ocorrem devido às mudanças hormonais tão características na gravidez. É normal que as grávidas fiquem mais irritadas e impacientes, afinal de contas, muitas mudanças estão ocorrendo e outras modificações estão previstas – de fato – para as próximas semanas.

Então, como agir? Em primeiro lugar, buscar por atividades relaxantes pode ser uma das alternativas viáveis para amenizar esse quadro. Dessa forma, ouça músicas, medite, mantenha hábitos saudáveis, procure não se aborrecer com frequência e mantenha pessoas especiais próximas a você, já que carinho, amor e abraço são remédios naturais e eficazes contra a irritabilidade. Que tal experimentar, hein?